terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

RESENHA: KEN PARKER 71 - CAÇADA SANGRENTA


EDIÇÃO BRASILEIRA COM "CAÇADA SANGRENTA" E "A LENDA DE KENISSUAQ"

SINOPSE:
Vivendo entre os Inuit, Ken Parker ajuda uma aldeia na luta contra implacáveis caçadores, que além de focas, assassinam sem perdão qualquer "esquimó" que estiver pelo caminho, inclusive mulheres e crianças.


-x-

Com um nível de ação acima da média, vemos nesse episódio o confronto de dois mundos diferentes. Um duelo entre primitivas flechas e a arma de fogo, numa história com muita violência, onde nem crianças são poupadas.

Berardi se esmera por mostrar até onde vai a maldade humana, em cenas de tirar qualquer um do sério, afinal não tem como não ser afetado em cenas de tortura infantil.

Bastante cruel também, são os sangrentos momentos em que matam focas na base de porretes, exatamente como fazem nos tempos atuais.

Muitos personagens são especialmente marcantes, até mesmo entre os invasores brancos, o que tornam bastante reais as situações da trama.

NOTA 9


Obs: No Brasil, a Editora Mythos publicou nessa edição 7 de Ken Parker, como segunda história, "A Lenda de Kenissuaq", que seria o número 82 da saga.

Deixarei então sua sinopse para quando chegar a hora. 



Para ler somente postagens filtradas com KEN PARKER, clique aqui embaixo ao lado de "Marcadores" em "Ken Parker"