quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

RESENHA: KEN PARKER 45 - A MULHER DE COCHITO



SINOPSE:
Após um enorme grupo de apaches se render, pedindo abrigo num forte, O guerreiro Cochito resgata sua bela amante, Nooki dos abusos dos soldados, iniciando assim uma caçada.

Na fuga, o casal rouba os pertences, rifle, cavalo, livros, tudo de Ken Parker, que logo se junta ao grupo perseguidor.

Só que o mesmo Cochito salva o dia quando ajuda a defender os soldados de uma armadilha índia.

Um dilema, em meio à ação se faz presente: Como não estragar a vida daquele belo casal nesse caótico mundo selvagem? Prender ou liberar o valoroso Cochito?

-x-

Uma grande história, de contornos trágicos, onde vemos o amor tentando sobreviver em meio a selvageria do velho oeste e da guerra entre os povos brancos e indígenas.

Cochito e Nooki vivem um amor à lá "Romeo e Julieta", onde tudo o que querem é a possibilidade de estarem juntos.

Todos, eu disse TODOS, dos personagens envolvidos, a nós leitores torcemos e até sofremos por um final feliz para o casal apache, o que no universo realista de Berardi, nem sempre é possível.

...Quem ler verá.

NOTA 10