quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

RESENHA: KEN PARKER 49 - SANGUE VERMELHO



SINOPSE:
No rio Arkansas, seguindo viagem por barca após sua aventura anterior, Ken Parker se vê diante de um massacre, onde passageiros e tripulação são impiedosamente assassinados por um grupo, que leva todo o carregamento de armas do exército que era transportado.

Durante o ataque, perde todo o seu dinheiro e o cavalo, além de ser o único sobrevivente.

Resgatado por soldados e recuperado do baque, Ken retoma sua viagem, e num momento de oportunismo, se infiltra no perigoso grupo para desvendar que eles praticam algo mais complexo do que simples assaltos.

A trama se adensa e nosso herói usa seus dotes para não fazer feio, numa verdadeira corda-bamba.

-x-

Mais uma boa história. Nesse episódio, vemos um Ken Parker bastante ousado e sagaz, cheio de artifícios e coragem para ir até o fim de seu plano.

Berardi preenche a trama com momentos interessantes de ação, aproveitando-se de bons personagens de temperamentos diversos.

NOTA 8